Como consultar arquivo de retorno de Qualificação cadastral do eSocial

Para consultar um arquivo de retorno de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Documento de Cadastramento no PIS”.

Daí dentro da tela, clicar na aba “Consultar Retorno

Abaixo terá um botão “Buscar Arquivo Retorno

Clicando ali o usuário poderá escolher a pasta e buscar o arquivo de retorno que o portal do eSocial devolveu.

Neste momento, o programa RH New interpretará o arquivo e mostrará os dados na tela.

Como consultar arquivo de retorno de Qualificação cadastral no eSocial
Como consultar arquivo de retorno de Qualificação cadastral no eSocial

Como gerar arquivo em lote para Qualificação Cadastral no eSocial

Para gerar um arquivo em lote para qualificação cadastral no eSocial de um ou mais colaboradores no programa Pro RH New da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Qualificação Cadastral eSocial”.

Ali o usuário poderá digitar o Código da Empresa e o Código do Colaborador Inicial e Colaborador Final.

Será criado uma grid abaixo com os colaboradores selecionados.

Também preencher os campos:

– Campo “CPF do Responsável“: Deve ser colocado o CPF do responsável pelo certificado digital que é utilizado para envio do arquivo.
– Campo “CNPJ do Certificado Digital Conectividade“: Deve ser preenchido o CNPJ que está constante no Certificado Digital utilizado.

Após preenchidos os campos, clicar no Botão “Exportar” e escolher a pasta para gravação do arquivo.

Como gerar arquivo em lote para qualificação cadastral no eSocial
Como gerar arquivo em lote para qualificação cadastral no eSocial

Como consultar um arquivo de retorno de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol

Para consultar um arquivo de retorno de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Documento de Cadastramento no PIS”.

Daí, dentro da tela, clicar na aba “Consultar Retorno”

Abaixo terá um botão “Buscar Arquivo Retorno”

Clicando ali o usuário poderá escolher a pasta e buscar o arquivo de retorno que o portal Conectividade Social devolveu.

Neste momento, o programa RH New interpretará o arquivo e mostrará os dados na tela.

Como consultar um arquivo de retorno de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol
Como consultar um arquivo de retorno de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol

Como gerar um arquivo para cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol

Para gerar um arquivo de cadastramento no PIS de um Colaborador no programa Pro RH New da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Documento de Cadastramento no PIS”.

Ali o usuário poderá digitar o Código da Empresa e o Código do Trabalhador e daí preencher os campos:

– Campo “Código da empresa Responsável”: Deve ser preenchido neste campo o número da empresa cadastrada no programa Pro RH que tem a procuração ou outorga de poderes mediante certificado digital para poder enviar arquivos para o governo Federal. Se o envio dos arquivos são com os certificados da própria empresa, pode colocar o número da própria empresa em que está cadastrado o trabalhador.

– Campo “CPF do Responsável”: Deve ser colocado o CPF do responsável pelo certificado digital que é utilizado para envio do arquivo.

– Campo “CNPJ do Certificado Digital Conectividade”: Deve ser preenchido o CNPJ que está constante no Certificado Digital utilizado.

– Campo “Data da Geração do Arquivo”: Deve ser preenchido a Data da geração do Arquivo.

– Campo “Número Sequencial de Arquivo no Dia”: Campo de Preenchimento não obrigatório. Somente necessário preencher se o portal da CEF solicitar.

Após preenchidos os campos, clicar no Botão “Exportar” e escolher a pasta para gravação do arquivo.

Documento Cadastramento no PIS
Tela de Cadastramento no PIS Prosol New

Como cadastrar a jornada de trabalho do Professor no Prosol RH New

Para aqueles professores que seguem o Sindicato dos Professores e a composição  do salário do mesmo são as horas trabalhadas na semana multiplicado por 4,5 semanas e mais a Hora atividade e o DSR 1/6, o usuário pode informar previamente as horas da jornada de trabalho na semana do Professor e o programa baseado nisto, fará o cálculo mensal automático das horas aulas, hora atividade e o DSR 1/6 deste professor baseando-se nesta informação.

Para cadastrar a jornada de trabalho do trabalhador professor no Prosol RH New, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Cadastra Jornada para Professor”.

Ali o usuário poderá digitar o Código da Empresa e Código do Trabalhador, e daí preencher os campos:

– Campo “Data“: Deve ser preenchido a data de inclusão ou alteração deste cadastro da Jornada do Professor.

– Campo “Evento“: Deve ser preenchido com o evento ou Rubrica de Hora Aula deste trabalhador professor. Pode ser inserido mais que uma rubrica de hora aula.

Dica: Este evento de Hora Aula já deve estar previamente criado no cadastro de eventos rubricas com a rotina de cálculo 81.

– Campo “Referência“: Deve ser preenchido com a quantidade de horas aulas que este trabalhador professor faz por semana.

– Campo “Valor“: Deve ser preenchido com o valor da hora aula para este evento/rubrica.

Após preenchidos os campos, clicar no Botão “Adicionar”.

Será criado uma grid abaixo com as informações inseridas.

Menu informa Jornada de Professor
Menu informa Jornada de Professor

Procedimento para liberar as atualizações do site da Prosol e funcionamento do programa Manifestei.

1 – Copie o link a seguir e cole no navegador chrome:    chrome://flags/#treat-unsafe-downloads-as-active-content

2 – Será exibido a tela de configurações do navegador, clique no botão que estará como Default e informe disabled e depois clique no botão Relaunch como na imagem. Pronto, agora o navegador fará os downloads normalmente.

Como cadastrar Horas trabalhadas na Semana Dias alternados para trabalhadores Horistas no Prosol RH New

 

O usuário pode informar previamente as horas que o trabalhador faz por dia e o programa baseado nisto, fará o cálculo mensal das horas trabalhadas baseando-se nesta informação.

Para Informar previamente as horas trabalhadas por dia para o trabalhador no Prosol RH New, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Cadastrar Horas Trabalhadas na semana/Dias alternados”.

Ali o usuário poderá digitar o Código da Empresa e o Período, clicar no Botão “Buscar”, irá aparecer os trabalhadores horistas, e daí preencher os campos:

– Campo “Segunda”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas as segundas-feiras pelo Trabalhador.

– Campo “Terça”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas as terças-feiras pelo Trabalhador.

– Campo “Quarta”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas as quartas-feiras pelo Trabalhador.

– Campo “Quinta”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas as quintas-feiras pelo Trabalhador.

– Campo “Sexta”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas as sextas-feiras pelo Trabalhador.

– Campo “Sábado”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas aos sábados pelo Trabalhador.

– Campo “Domingo”: Deve ser preenchido com as horas trabalhadas aos domingos pelo Trabalhador.

– Campo “DSR do Cadastro”: Se assinalado este campo, o programa calculará o DSR das Horas trabalhadas dividindo o total de horas apuradas pela quantidade de Dias Úteis e multiplicando este valor pela quantidade de dias DSR cadastrados no Menu “Cadastro Horas Normais/DSR”.

Observação: Se este campo não estiver assinalado, o programa fará a média do Total das Horas apuradas naquele mês, dividido pela quantidade de dias trabalhados e depois multiplicará pelos dias DSR daquele mês.

Após preenchidos os campos, não esquecer de clicar no Botão “Salvar(F9)”.

 

Cadastra Horas na Semana para o trabalhador
Cadastra Horas na Semana para o trabalhador

Como retornar o salário do mês anterior depois de feita uma alteração de salários de forma errada para um trabalhador no programa Pro RH New da Prosol

 

Às vezes é feito uma alteração salarial que não deveria ter sido feita. Para isto, existe a opção “Retorna Salário Mês anterior”

Para retornar o salário do mês anterior para um trabalhador, de todos trabalhadores de uma empresa ou de um centro de custo inteiro dentro do programa RH NEW da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Sub Menu Reajuste Salarial – Menu “Retorna Salário Mês anterior”.

Ali terá três Guias/Abas com três telas:

Guia – “Por Empresa”

Guia – “Por Local/Centro de Custo”

Guia – “Por Colaborador”

Onde o usuário poderá preencher estas guias conforme segue:

 

Guia – “Por Empresa”

Local onde o usuário poderá retornar o salário do mês anterior de uma empresa inteira ou de várias empresas.

– Campos “Empresa Inicial” e “Empresa Final”: Deve ser preenchido nestes campos o número da empresa ou das empresas que o usuário desejará retornar os salários.

Após colocar os códigos das empresas, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá as empresas selecionadas.

– Campo “Data do mês a recuperar salário”: Informar neste campo a data do mês do salário antigo que será parâmetro para recuperar o salário.

– Campo “Data do mês a gravar o salário”: Informar a data do mês que será gravado o salário correto.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Salvar(F9)”.

Retornar Salario por Empresa
Retornar Salario por Empresa

 

Guia – “Por Local/Centro de Custo”

Local onde o usuário poderá fazer o retornar o salário de um centro de custo inteiro para uma determinada empresa.

– Campos “Empresa”: Deve ser preenchido neste campo o número da empresa que o usuário desejará retornar os salários.

– Campos “Local”, “Departamento”, “Setor”, “Centro de Custo”: Deve ser preenchido neste campo o Local e Centro de Custo da empresa que o usuário desejará recuperar os salários.

Após colocar o código da empresa e do centro de custo, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá os trabalhadores daquele centro de custo.

– Campo “Data do mês a recuperar salário”: Informar neste campo a data do mês do salário antigo que será parâmetro para recuperar o salário.

– Campo “Data do mês a gravar o salário”: Informar a data do mês que será gravado o salário correto.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Salvar(F9)”.

Retornar Salario por Centro de Custo
Retornar Salario por Centro de Custo

 

Guia – “Por Colaborador”

Local onde o usuário pode retornar o salário de um ou mais colaboradores.

– Campos “Empresa”: Deve ser preenchido neste campo o número da empresa que o usuário desejará retornar os salários.

– Campos “Colaborador inicial” e “Colaborador Final”: Deve ser preenchido nestes campos o(s) número(s) do(s) trabalhador(es) que o usuário desejará retornar os salários.

Após colocar o código da empresa e do funcionário, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá os trabalhadores selecionados.

– Campo “Data do mês a recuperar salário”: Informar neste campo a data do mês do salário antigo que será parâmetro para recuperar o salário.

– Campo “Data do mês a gravar o salário”: Informar a data do mês que será gravado o salário correto.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Salvar(F9)”.

Retornar Salario por Colaborador
Retornar Salario por Colaborador

Como efetuar o Cálculo do reajuste Salarial no programa Pro RH New da Prosol

Para efetuar o reajuste salarial de um funcionário, de todos trabalhadores de uma empresa ou de um centro de custo inteiro dentro do programa RH NEW da Prosol, acesse o Menu Principal CadastrosMenu Colaboradores – Sub Menu Reajuste Salarial – “Calcular Reajuste Salarial”.

Ali terá três Guias/Abas com três telas:

Guia – “Por Empresa”

Guia – “Por Local/Centro de Custo”

Guia – “Por Colaborador”

Onde o usuário poderá preencher estas guias conforme segue:

 

Guia – “Por Empresa”

Local onde o usuário poderá fazer o reajuste salarial de uma empresa inteira ou de várias empresas.

– Campos “Empresa Inicial” e “Empresa Final”: Deve ser preenchido nestes campos o número da empresa ou das empresas que o usuário desejará alterar os salários.

Após colocar os códigos das empresas, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá as empresas selecionadas.

– Campo “Categoria a Reajustar”: Poderá ser filtrado a categoria dos trabalhadores que será reajustado os salários. Por padrão, o programa mostrará a princípio a categoria 01.

Dentro desta tela, terá duas opções abaixo da grade:

Opção: Reajuste por Percentual ou Opção: Reajuste por Salários.

Na opção Reajuste por Percentual, terá os campos:

– Campo “% Percentual do Aumento”: Colocar o percentual que será reajustado o salário.

Na opção Reajuste por Salários, terá os campos:

– Campo “Salário Antigo”: Colocar o Salário que será parâmetro para o reajuste.

– Campo “Salário Novo”: Colocar o valor do novo Salário para o trabalhador.

Campos “Comuns” para as Opções Reajuste por Salários e Reajuste por Percentual:

– Campo “Data do Reajuste”: Informar a data efetiva da alteração de salário e que ficará gravada no histórico do trabalhador.

– Campo “Arredondar p/ Cima”: Se selecionado SIM, o programa arredondará o salário para o próximo valor inteiro. Ex.: Se o resultado der R$ 1.468,37, será alterado o salário para R$ 1.469,00.

– Campo “Valor do Menor Salário”: Se preenchido este campo com um valor, o programa entenderá que o valor deste campo será o valor do novo salário se o resultado da alteração salarial for menor que este campo. Ex.: Se o resultado do novo salário der R$ 1.320,00, mas o valor do menor salário estiver informado com R$ 1.370,00, o programa assumirá para aqueles trabalhadores o valor do novo salário de R$ 1.370,00.

– Campo “Motivo do Aumento”: Neste campo o usuário pode escrever o motivo da Alteração Salarial.

– Campo “Código do Sindicato”: Neste campo poderá ser filtrado o Sindicato que será reajustado os salários. Se o campo estiver em branco, o reajuste será para todos trabalhadores. Se estiver preenchido, o programa fará a alteração apenas para os trabalhadores daquele Sindicato.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Calcular Reajuste”.

Tela Reajuste por empresa
Tela Reajuste por empresa

Guia – “Por Local/Centro de Custo”

Local onde o usuário poderá fazer o reajuste salarial de um centro de custo inteiro para uma determinada empresa.

– Campos “Empresa”: Deve ser preenchido neste campo o número da empresa que o usuário desejará alterar os salários.

– Campos “Local”, “Departamento”, “Setor”, “Centro de Custo”: Deve ser preenchido neste campo o Local e Centro de Custo da empresa que o usuário desejará alterar os salários.

Após colocar o código da empresa e do centro de custo, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá os trabalhadores daquele centro de custo.

– Campos “Categoria a Reajustar”: Poderá ser filtrado a categoria dos trabalhadores que será reajustados os salários. Por padrão mostrará a princípio a categoria 01.

Dentro desta tela, terá duas opções abaixo da grade:

Opção: Reajuste por Percentual ou Opção: Reajuste por Salários.

Na opção Reajuste por Percentual, terá os campos:

– Campo “% Percentual do Aumento”: Colocar o percentual que será reajustado o salário.

Na opção Reajuste por Salários, terá os campos:

– Campo “Salário Antigo”: Colocar o Salário que será parâmetro para o reajuste.

– Campo “Salário Novo”: Colocar o valor do novo Salário para o trabalhador.

Campos “Comuns” para as Opções Reajuste por Salários e Reajuste por Percentual:

– Campo “Data do Reajuste”: Informar a data efetiva da alteração de salário e que ficará gravada no histórico do trabalhador.

– Campo “Arredondar p/ Cima”: Se selecionado SIM, o programa arredondará o salário para o próximo valor inteiro. Ex.: Se o resultado der R$ 1.468,37, será alterado o salário para R$ 1.469,00.

– Campo “Valor do Menor Salário”: Se preenchido este campo com um valor, o programa entenderá que o valor deste campo será o valor do novo salário se o resultado da alteração salarial for menor que este campo.  Ex.: Se o resultado do novo salário der R$ 1.320,00, mas o valor do menor salário estiver informado com R$ 1.370,00, o programa assumirá para aqueles trabalhadores o valor do novo salário de R$ 1.370,00.

– Campo “Motivo do Aumento”: Neste campo o usuário pode escrever o motivo da Alteração Salarial.

– Campo “Código do Sindicato”: Neste campo poderá ser filtrado o Sindicato que será reajustado os salários. Se o campo estiver em branco, o reajuste será para todos trabalhadores. Se estiver preenchido, o programa fará a alteração apenas para os trabalhadores daquele Sindicato.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Calcular Reajuste”.

Tela Reajuste por Centro de Custo
Tela Reajuste por Centro de Custo

Guia – “Por Colaborador”

Local onde o usuário pode fazer o reajuste salarial de um ou mais colaboradores.

– Campos “Empresa”: Deve ser preenchido neste campo o número da empresa que o usuário desejará alterar os salários.

– Campos “Colaborador inicial” e “Colaborador Final”: Deve ser preenchido nestes campos o(s) número(s) do(s) trabalhador(es) que o usuário desejará alterar os salários.

Após colocar o código da empresa e do funcionário, deverá ser acionado o botão “Adicionar”. Na grade abaixo aparecerá os trabalhadores selecionados.

– Campos “Categoria a Reajustar”: Poderá ser filtrado a categoria dos trabalhadores que será reajustado os salários. Por padrão mostrará a princípio a categoria 01.

Dentro desta tela, terá duas opções abaixo da grade:

Opção: Reajuste por Percentual ou Opção: Reajuste por Salários.

Na opção Reajuste por Percentual, terá os campos:

– Campo “% Percentual do Aumento”: Colocar o percentual que será reajustado o salário.

Na opção Reajuste por Salários, terá os campos:

– Campo “Salário Antigo”: Colocar o Salário que será parâmetro para o reajuste.

– Campo “Salário Novo”: Colocar o valor do novo Salário para o trabalhador.

Campos “Comuns” para as Opções Reajuste por Salários e Reajuste por Percentual:

– Campo “Data do Reajuste”: Informar a data efetiva da alteração de salário e que ficará gravada no histórico do trabalhador.

– Campo “Arredondar p/ Cima”: Se selecionado SIM, o programa arredondará o salário para o próximo valor inteiro. Ex.: Se o resultado der R$ 1.468,37, será alterado o salário para R$ 1.469,00.

– Campo “Valor do Menor Salário”: Se preenchido este campo com um valor, o programa entenderá que o valor deste campo será o valor do novo salário se o resultado da alteração salarial for menor que este campo. Ex.: Se o resultado do novo salário der R$ 1.320,00, mas o valor do menor salário estiver informado com R$ 1.370,00, o programa assumirá para aqueles trabalhadores o valor do novo salário de R$ 1.370,00.

– Campo “Motivo do Aumento”: Neste campo o usuário pode escrever o motivo da Alteração Salarial.

– Campo “Código do Sindicato”: Neste campo poderá ser filtrado o Sindicato que será reajustados os salários. Se o campo estiver em branco, o reajuste será para todos trabalhadores. Se estiver preenchido, o programa fará a alteração apenas para os trabalhadores daquele Sindicato.

Por fim, não esquecer de acionar o botão “Calcular Reajuste”.

Tela reajuste por por colaborador
Tela reajuste por por colaborador

Como alterar o Local de Trabalho ou Centro de Custos – Alocação de Colaboradores no programa Pro RH New da Prosol

Para cadastrar ou alterar um Local de Trabalho ou Centro de Custos no programa Pro RH New da Prosol, acesse o Menu Principal Cadastros – Menu Colaboradores – Submenu “Alocação de Colaboradores”.

Ali o usuário poderá digitar o Código da Empresa e os Códigos Inicial e Final do Trabalhador e daí preencher os campos:

– Campo “Novo Local/Tomador“: Deve ser preenchido neste campo o número do Novo Local de Trabalho do trabalhador.
– Campo “Centro de Custo“: Deve ser preenchido neste campo o número do Novo Centro de Custo do trabalhador.

Importante: Apenas aparecerão Locais ou Centro de Custos já existentes que foram anteriormente cadastrados em seus respectivos menus.

Dica: Utilizando o Botão “Selecionar Todos(Alt+T)”, o usuário poderá selecionar todos trabalhadores de uma vez.

Após preenchidos os campos, não esquecer de clicar no Botão “Salvar(F9)“.

Alocação de Trabalhadores
Alocação de Trabalhadores